Ruy defende campanha heterodoxa na PB: palanque único para governador e múltiplo para presidente

O deputado federal Ruy Carneiro (PSDB) defende um modelo heterodoxo de palanque eleitoral na Paraíba para tentar construir uma candidatura única de oposição ao governo do Estado.

A ideia é que os vários partidos de oposição possam se unir para o lançamento de uma chapa ao governo estadual, aceitando que cada partido possa apoiar candidatos diferentes à Presidência da República. “Podemos ter um candidato único a governador e um palanque múltiplo para presidente, com respeito às diferenças, como é próprio da democracia”, explicou. 

O parlamentar lembra que em outras eleições já foi possível construir coligações estaduais com partidos defendendo candidatos diferentes à presidência da República sem maiores problemas. Ele entende que o essencial é que as oposições tenham um projeto comum para a disputa do governo do Estado. 

Na avaliação de Ruy, se as oposições se dividirem para a disputa estadual terão as chances reduzidas de vencer o pleito e de apresentar um projeto de desenvolvimento para o Estado que seja compreendido pela população. 

Apesar do radicalismo que tomou conta da política nacional, Ruy acredita que seja possível se apelar para o bom senso e ainda se fazer política com diálogo e respeito. 

Haverá paz num palanque múltiplo?

A proposta apresentada pelo deputado Ruy Carneiro no programa Correio Debate (rádio 98,3 FM) não é de todo estranha. Já houve campanha em que o candidato a governador era apoiado por partidos que divergiam no plano nacional, assim como candidatos à presidência já foram apoiados por mais de um candidato a governador. O problema é que o nível de radicalização na política está muito exacerbado e dificilmente haverá paz num palanque múltiplo.

Adicionar comentário

PUBLICIDADE
Blog do Josival Pereira © 2022 . Todos os direitos reservados.